Que os benefícios da prática da Yoga são inúmeros muita gente já sabe. Mas você sabia que ela é, também, uma atividade física e mental completa para os idosos? Eles podem e devem fazer as posições (chamadas de asanas) com alguns cuidados para então aproveitar e desfrutar de todo o bem-estar e saúde promovidos por esta arte milenar, que surgiu há mais de 3 mil anos na Índia.  

O avanço da idade e a diminuição da vitalidade e dos movimentos não devem ser impeditivos para a atividade física. Pelo contrário, no caso da Yoga, estas características são até mesmo razões para continuar praticando ou iniciar agora. 

Isto porque os asanas da Yoga têm a capacidade de tonificar o corpo, mantendo o equilíbrio entre todos os órgãos internos e o sistema hormonal das pessoas de qualquer idade. Eles ajudam, ainda, a refrescar e organizar a mente na medida em que entram regularmente na rotina do praticante. 

Integração e união 

Os idosos ganham poder de concentração, tanto enquanto fazem os exercícios, quanto ao longo do dia em outras atividades que eles também devem ser incentivados a realizar. 

O termo Yoga significa integração e união do corpo, da respiração e da mente. Suas técnicas propiciam uma existência mais harmoniosa e alegre. O que é muito necessário nos dias conturbados que vivemos hoje em dia, não é mesmo?

Os idosos, por mais que já estejam aposentados e mais afastados da correria do dia a dia, também acabam sendo vítimas em potencial da vida estressada e das más notícias da TV. Por isso, praticar Yoga pode ajudar bastante na qualidade de vida deles.  

Dicas sobre a prática de Yoga para idosos

  • Entre as várias possibilidades de exercícios, prefira as caminhadas rápidas e os movimentos articulares;
  • As posturas de Yoga realizadas em pé também podem ser feitas, sem precisar ficar muito tempo na mesma posição;
  • Os movimentos que são feitos sentados são os preferidos dos idosos, como a postura do gato e a da criança, que trazem sensação de bem-estar;
  • Posturas de Yoga com o idoso deitado de costas ou de barriga para cima podem ser feitas repetidamente;
  • O Yoga Nidra (quando a pessoa deita e fica sem se mexer apenas relaxando ao som de uma música suave) é parte mais essencial da prática. Porque é nesta hora que são assimilados os efeitos positivos dos asanas;
  • Não se esqueça de incluir os Sukshma Yoga para os idosos. Eles podem durar de 20 a 30 minutos e são simples e suave, melhorando os movimentos dos olhos, língua, mandíbula, pescoço, mãos, pés, joelhos, tornozelos e quadris.

Tranquilidade e disposição

O conceito de Yoga na vida das pessoas é bastante amplo. Mas para o idoso podemos destacar os aspectos de suavidade e conforto que fazem parte de cada asana. Por isso, todas as posturas, quando feitas de forma consciente, melhoram sobremaneira a vida de quem já contribuiu tanto e agora merece ter o máximo de tranquilidade e disposição possíveis. 

Muita gente se questiona quanto à periodicidade da prática de Yoga. Neste aspecto, a resposta é a mesma para todas as idades. Cada um deve se perguntar qual o seu limite. Não há uma regra que caiba para todos. O melhor indicador é o quanto a pessoa pode praticar, o que depende da sua condição física e mental, nível de resistência, tempo disponível, grau de flexibilidade e outras vulnerabilidades. 

Se você quer que o sistema imunológico e a qualidade de vida do seu idoso melhore, motive-o a praticar Yoga e meditação. Os resultados virão naturalmente.

 

 

 

 

 

 

Comentários 0

Deixe seu comentário